Notícias

Notícias e matérias sobre condomínios

Síndico Tira Férias?

19/12/2017 Sindicon Comunidade

Crédito: Divulgação

Sim, síndicos podem tirar férias. Sejam remunerados ou não, todos os gestores de condomínio têm direito a um descanso.

Mas, para poder deixar o condomínio por alguns dias sem se preocupar, o síndico precisa se organizar. Primeiro, ele deve deixar todas as contas pagas ou programadas e a contabilidade em ordem. Com essa premissa atendida, outras condições precisam ser consideradas.

Ser síndico exige muita responsabilidade. Mesmo que o gestor não receba salário, ele é o representante do condomínio. É ele que assina cheques, autoriza obras e resolve boa parte dos conflitos. E não é porque janeiro está chegando que as responsabilidades vão desaparecer. Então, como fazer para que o prédio não fique “abandonado”?

Se o condomínio tiver subsíndico, ele deve assumir as atividades enquanto o síndico viajar. Se o subsíndico pretender se ausentar também, ele pode combinar os períodos de viagem com o síndico para que um deles esteja no prédio. No entanto, se isso não for possível, ou se o prédio não tiver subsíndico, um integrante do Conselho Fiscal pode ser destacado para a tarefa.

Neste período, já com as conta pagas, o síndico interino terá poucos motivos de preocupação e provavelmente terá que atuar apenas em alguma emergência, como algum dano que exigir uma reparação imediata. “Neste caso, se for necessário fazer algum pagamento na hora, o síndico interino pode pagar do próprio bolso e pedir, depois o reembolso”, explica o presidente do Sindicon, advogado especializado em direito condominial, Carlos Eduardo Alves de Queiróz. Obras voluptuárias (aquelas para embelezamento) durante as férias do síndico, nem pensar.

 

Assessoria para síndicos de condomínios associados

Questões atinentes à administração do condomínio, departamento de pessoal, relações entre condôminos e entre o condomínio e terceiros.

Atendimento por telefone
  • (31)3281.8779
  • 11:00 às 12:00 horas
  • 16:00 às 18:00 horas

mediante prévio agendamento